Bares de cerveja artesanal no centro de Madrid

Nos últimos anos, Madrid passou por um crescimento significativo do setor craft e o número de bares na capital espanhola disparou. Se antes era difícil encontrar um bar que tivesse além de cervejas clássicas belgas ou alemãs, agora a cidade já conta com diversos bares que possuem muitas torneiras e dezenas de marcas em garrafas e latas de toda a Europa e Estados Unidos.

Para facilitar seu passeio cervejeiro pela cidade, montei esta lista de bares de cerveja artesanal no centro de Madrid separados por bairros.

La Latina

La Tienda de la Cerveza: um clássico do bairro que antes era uma loja e se tornou um bar quando teve que mudar de endereço. Se você planeja visitar o mercado de rua Rastro, que acontece aos domingos e feriados, esse bar é imperdível. Calle de las Maldonadas, 5. Metrô La Latina.

Oso Brew Co.: além das próprias cervejas, este bar tem 6 torneiras e garrafas e latas de outras marcas. Calle Cava Baja, 10. Metrô La Latina.

Pez Tortilla: um dos melhores lugares para provar croquetas e tortillas acompanhadas de uma boa cerveja. Além das torneiras, também tem referências em latas, mas é importante ter paciência porque costuma estar cheio! Calle Cava Baja, 42. Metrô La Latina.

Sol e arredores

Cervecería La Mayor: esta tradicional cervejaria na Calle Mayor, perto de alguns dos principais pontos turísticos de Madrid, é uma boa opção se você gosta de cervejas de importação. Belgas, inglesas e alemãs mais clássicas estão no cardápio. Tem seis torneiras e também oferece tostas, saladas e pratos para acompanhar. Calle Mayor, 77. Metrô Sol ou Ópera.

Pez Tortilla: o sucesso desse bar foi tanto que você inaugurou esse terceiro bar há alguns meses. No cardápio, há croquetas, tortillas e salada de maionese. Calle Espoz y Mina, 13. Metrô Sol.

Lavapiés

Chinaski: com 18 torneiras e também referências de garrafa e lata, o bar Chinaski oferece uma ampla variedade de diferentes países. O sócio Ernesto Huete também é o mestre cervejeiro da marca Yria, além de ser o responsável da distribuidora Zombie, que importa marcas como Lervig e Brewski. Está na Calle de la Fe, 19. Metrô Lavapiés.

Casa Zoilo: um bar típico madrilenho onde, além de cervejas industriais, também oferece algumas opções tanto de torneira quanto de garrafa/lata. Calle Huerta del Bayo, nº4. Metrô Tirso de Molina ou La Latina.

La Buena Pinta: uma boa opção para os que queiram visitar um mercado municipal e provar suas diversas opções gastronômicas enquanto bebe uma cerveja artesanal. Além das torneiras, tem uma ampla oferta de garrafa/lata. Está no Mercado de San Fernando, Calle Embajadores, 41.

El Pedal: tem oito torneiras e fabricam sua própria cerveja. Um dos pontos fortes são suas mesas na calçada, que fazem muito sucesso no verão. Calle Argumosa, 33. Metrô Lavapiés.

La Caníbal: este bar-restaurante tem uma proposta bastante interessante: vendem tanto cerveja quanto vinho de torneira. São oito torneiras de cada bebida, além de fabricar algumas cervejas próprias. Para acompanhar a bebida há opções deliciosas na carta, que está focada na gastronomia da Galícia. Calle Argumosa, 28. Metrô Lavapiés ou Paseo del Arte.

Barrio de las Letras

Fogg Birras & Cheese: o paraíso dos amantes do queijo e da cerveja. Já escrevi sobre eles aqui e sempre recomendo esse bar para quem procura um lugar para fazer harmonização, porque, além de muito atenciosos, eles entendem tudo do assunto. Calle de Moratín, 5. Metrô Antón Martín.

Brew Wild: se você quer tomar uma cerveja acompanhada de uma pizza deliciosa, este é o seu lugar. Há 18 torneiras e você sempre encontra alguma sour, imperial stout e também algumas cervejas da marca La Quince, umas das sócias do bar. Calle de Echegaray, 23. Metrô Antón Martín.

Be Hoppy: funciona como uma mistura de bar e loja. Se você procura cervejas não tão fáceis de encontrar, esse é um bom lugar. Calle Fúcar, 1. Metrô Antón Martín.

Oldenburg Huertas: depois de muitos anos na rua Cardenal Cisneros, o segundo Oldenburg abriu suas portas no bairro das Letras em 2019 com 10 torneiras. Calle Huertas, 59. Metrô Antón Martín.

Malasaña e Chueca

Pez Tortilla: o primeiro dos três bares que funcionam na cidade. É uma boa opção no bairro, embora costume estar bem cheio à noite. Calle Pez, 36. Metro Tribunal ou Noviciado.

Bee beer: bar especializado em cervejas e queijos. Produzem algumas cervejas próprias, que estão disponíveis tanto nas torneiras quanto para levar. Eles sempre têm alguma lambic na geladeira. Calle Augusto Figueroa, 30. Metrô Chueca.

The Stuyck Co:  neste bar também é comum encontrar cervejas que nem sempre vemos por aí. Conta com 14 torneiras e um cardápio interessante para acompanhar. Corredera Alta de San Pablo, 33. Metrô Tribunal.

La Pirata Malasaña: bar da marca de Barcelona homônima. Tem 15 torneiras, muitas delas com cervejas próprias engatas. As porções também são gostosas. Calle Manuela Malasaña, 20. Metro Bilbao o San Bernardo.

Fábrica Maravillas: primeiro brewpub instalado no centro da cidade. Nas suas 8 torneiras, você pode encontrar as cervejas da marca. Uma boa oportunidade para tomar algo verdadeiramente fresco.  Calle Valverde, 29. Metrô Tribunal.

La Tape: um dos primeiros lugares de Madrid que apostou na harmonização do cardápio com cervejas. Além das torneiras, também tem uma ampla oferta de lata/garrafa. Calle San Bernardo, 88. Metrô San Bernardo.

Källa Beer Factory: outro brewpub em pleno centro da cidade. No Källa, você encontrará cervejas mais voltadas ao grande público.

La Conquista: este pequeno bar tem uma oferta interessante e em uma das suas 8 torneiras sempre há uma stout deliciosa. Além disso, eles costumam colocar um pedacinho de bolo ou doce para harmonizar com as cervejas escuras. São 8 torneiras e uma geladeira cheia. Calle Reina, 17. Metrô Tribunal ou Banco de España.

Mikkeller: para os fãs da marca dinamarquesa, desde o início de 2019 é possível provar as cervejas da Mikkeller neste bar de Madrid. Além disso, oferecem menú del día (uma refeição completa a um preço fechado).

Antes de ir a qualquer um desses bares, confira os horários, já que alguns só abrem à tarde e outros alteraram seu horário de funcionamento durante a nova normalidade. Você pode ver os bares neste mapa.

Além de todos esses, há muitos outros em outros bairros de Madrid que valem a pena visitar e que estarão em outro texto. Se você conhece algum bar de cerveja artesanal nessas regiões mencionadas, deixe um comentário para que possa incluí-lo.

Larissa

Jornalista e beer sommelière brasileira morando em Madrid desde 2011.

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Instagram
Something is wrong.
Instagram token error.
Follow